1959: dezessete dias para o eleitor saber o resultado das eleições

Publicado em: 10/09/2010

O desenvolvimento do rádio no Rio Grande do Sul tem muito a ver com os profissionais que vivem o dia a dia do veículo. O radialista Amir Domingues é um desses profissionais. Já nas eleições para governador em 1958 ele entendia que o ouvinte precisava conhecer os resultados rapidamente e não esperar até dezessete dias para saber quem tinha sido eleito. Amir conta como foi esse trabalho realizado com a participação do engenheiro Homero Simon: “eu parti de uma premissa – meus Deus do céu – se as urnas são abertas simultaneamente por que os resultados ficam dependendo – ‘agora é a hora da mata… vem o litoral…’- e aquele negócio se prolongava, aquela agonia…”

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *