Aldir Blanc, um dos maiores compositores brasileiros, morre aos 73 anos no Rio

Publicado em: 04/05/2020

A Covid-19 levou na madrugada desta segunda-feira (4), um dos mais importantes letristas da música popular brasileira.

Aldir Blanc tinha 73 anos e estava internado desde o dia 15 de abril no Hospital Universitário Pedro Ernesto, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Anteriormente, Blanc deu entrada no dia 10 de abril no Hospital Municipal Miguel Couto com infecção urinária e pneumonia. A luta por uma vaga na UTI ganhou as redes sociais, até que a vaga no Pedro Ernesto fosse obtida. Aos médicos do hospital, ele dizia durante o tratamento que “não queria ir embora”.

Blanc era vascaíno, salgueirense e autor de dezenas de clássicos da MPB como “O Bêbado e a Equilibrista”, “O Mestre-sala dos Mares”, “Dois pra Lá, Dois pra Cá” (parcerias com João Bosco e todas gravadas por Elis Regina) e “Resposta ao Tempo” (com Cristovão Bastos).

Veja em nosso acervo materiais sobre Aldir Blanc.

(Pop Line, 04/05/2020)

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *