De novo não Sardenberg

Publicado em: 13/03/2009

Dia desses deslocava-me de carro até a Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC.  Pegaria a minha esposa, que é professora na instituição, e juntos iríamos almoçar com a Gabriela, nossa filha de  13 anos.  No caminho, sintonizo a CBN Diário de Florianópolis.

Estava na hora do CBN Brasil, ao meio dia, com Carlos Alberto Sardenberg. Não acreditei que a produção do programa dele continuasse a mesma. Isto é, cometendo um erro primário, que deveria ser evitado por uma grande rede como é a Central Brasileira de Notícias.   O Sardenberg continua lendo como chamada o mesmo texto inicial da manchete que em seguida será lida pelo repórter. É um vício de algumas emissoras, que demonstra fragilidade na equipe de jornalismo.

Como professor de radiojornalismo, incentivo meus alunos a escutarem a CBN. Pelo bem dos futuros jornalistas, a Central Brasileira de Notícias poderia ficar mais atenta a essa questão exposta.

Espero não ter pegado pesado com a CBN, emissora que admiro e que acompanho regularmente.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *