Em Davos, Ban pede a líderes mundiais que escutem os seus povos

Publicado em: 27/01/2012

Secretário-Geral da ONU realçou ainda nesta sexta-feira que revoluções no Norte da África e Oriente Médio trouxeram liberdade e democracia, mas também novos desafios.

MÍDIA | Rádio ONU | Joyce de Pina, em Nova York*

Ban Ki-moon em Davos

Em coletiva de imprensa nesta sexta-feira, em Davos, na Suíça, o Secretário-Geral da ONU disse que as recentes revoluções no Norte da África e no Oriente Médio trouxeram liberdade e democracia, mas também novos desafios. Ban Ki-moon, que participa do Fórum Econômico Mundial, afirmou ainda que do Norte da África a Nova York, de Atenas, na Grécia a Abijan, na Cote D´Ivoire, os povos pedem mudança. O Secretário-Geral lembrou que durante os eventos da Primavera Árabe, ele pediu por várias vezes aos líderes daqueles países que escutassem o seu povo. E alertou então aos líderes mundiais reunidos em Davos que façam o mesmo. Durante o Fórum Econômico Mundial, Ban Ki-moon tem participado de várias reuniões bilaterais. Ele também falou em um debate sobre energia sustentável, onde defendeu que o envolvimento do setor privado é cada vez mais reconhecido como uma estratégia para o alcance de uma profunda mudança. O Secretário-Geral estará presente na Conferência sobre o Desenvolvimento Sustentável, Rio + 20, em junho, no Brasil.

*Apresentação: Leda Letra.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *