Guarujá reina soberana durante mais de 10 anos

Publicado em: 28/06/2005

Caros Ouvintes, obra que será lançada no dia 4 de agosto em Florianópolis, é dividido em duas partes, cada uma contemplando três capítulos.
Da Redação

O primeiro capítulo, “Os Pioneiros e a Rádio Guarujá”, faz inicialmente um breve relato sobre as primeiras emissoras surgidas em Santa Catarina: Rádio Clube de Blumenau (1936), Rádio Difusora de Joinville (1941) e Rádio Difusora de Itajaí (1942).  Em seguida, registra uma tentativa frustrada de instalação de uma emissora de rádio em Florianópolis, sob o comando da “Radiodifusão Brasileira S.A”. Na seqüência, o capítulo se dedica integralmente à ZYJ-7, surgida em 1943, graças ao empreendedor Ivo Serrão Vieira, que três anos mais tarde vende à estação para o pessedista Aderbal Ramos da Silva, futuro governador do Estado. Será pelas mãos deste político que a Guarujá vai reinar soberanamente nas ondas do rádio da capital  até os primeiros anos da década de 1950.


Cast da Rádio Guarujá: Pituca & Cia.

O segundo capítulo, “Fim do Monopólio: surgem a Anita Garibaldi e a RDM”,  dedica-se ao relato da trajetória das emissoras que vão dividir as atenções do público com  a Guarujá. No ano de 1954 aparece a Rádio Anita Garibaldi, do médico J. J. Barreto e no ano posterior é a vez de entrar no ar  a Rádio Diário da Manhã (RDM), da família Konder-Bornhausen, ligada à União Democrática Nacional (UDN). A partir do momento que a RDM passa a fazer parte da vida dos Florianópolis, a Guarujá perde o seu posto de  “mais ouvida” para a emissora da ala udenista.


Auditório da Rádio Diário da Manhã

É por este canal que a população acompanha o programa de auditório “Seqüências A Modelar”, as radionovelas e o jornalístico “Vanguarda”.

O livro Caros Ouvintes, que relata a  trajetória de mais de 60 anos do  rádio em Florianópolis, será lançado a partir das 19 horas, do dia 4 de agosto,  na Assembléia Legislativa do Estado de Santa Catarina. A obra leva a assinatura de Antunes Severo e Ricardo Medeiros. A edição é uma parceria entre  a Editora insular e  a Associação Catarinense de Imprensa (ACI).

Na próxima semana estaremos abordando o terceiro capítulo da obra Caros Ouvintes. 


{moscomment}

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *