Interferências no futuro do rádio

Publicado em: 18/04/2010

Estaria o rádio realmente ameaçado pelas novas tecnologias? Há quem aponte a web e os players de música como “os matadores”. Outra ameaça seria a comercialização excessiva. David Verklin, presidente-executivo da agência Carat Americas disse que o rádio enfrenta uma tempestade de ameaças tecnológicas. Mas, observadores atentos não identificam essas perigosas interferências. Ao contrário, afirmam e comprovam que em muitos países o rádio está se reinventando – e também inventando – como as emissoras temáticas e as “branded” FM. Contudo, há unanimidade sobre um aspecto onde o rádio piorou: a publicidade tornou-se menos memorável e menos criativa. Por isso é elogiável o esforço da Acaert de incentivar a criatividade ao reeditar o Prêmio Acaert de Rádio e Televisão para reconhecer o trabalho dos profissionais e o talento dos criativos. Mas também é fundamental que as entidades da publicidade estimulem o debate sobre o assunto.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *