Joinville: 68 anos de radiodifusão

Publicado em: 07/11/2008

Sessenta anos já passaram desde o momento em que Wolfgang Brosig obteve autorização para colocar no ar a ZYA-5 Rádio Difusora de Joinville, a segunda do Estado. Mas, antes disso em 1938, o “Pai do Rádio” como costumávamos tratá-lo carinhosamente já mexia com equipamentos eletrônicos. Nos porões de sua casa, montou o primeiro transmissor. O rádio havia chegado para ficar. Muita coisa se passou.

Joinville conheceu o rádio teatro e no ano do centenário da cidade, em 1951 , no mesmo local onde nascera, à Rua Pedro Lobo, 216, no centro da cidade, onde hoje se situa o Shopping Muller, construiu um dos mais modernos estúdios e auditório do País, com mais de 300 lugares, onde realizava também programas de auditório.

Mesmo não estando mais entre nós, Wolfgang Brosig estará permanentemente presente por todos que tiveram a felicidade de com ele conviver, bem como sua esposa Juracy Brosig, seu braço direito e que ocupou cargos relevantes na vida pública da cidade.

J. Gonçalves, primeiro locutor a se aposentar em Santa Catarina
Ele começou na Difusora, fez um teste para locutor e foi o primeiro dentre os 33 inscritos. Extremamente simpático, vendia com facilidade os comerciais pedalando sua bicicleta, tanto quanto falava com desenvoltura ao microfone.

Logo se transformou no mais ouvido locutor apresentador, locutor esportivo, presidiu sindicatos, entrou na vida política, foi deputado estadual por duas vezes e lançou nomes expressivos no rádio.

Fundou a Rádio Cultura de Joinville em 1959, no dia 1º de julho, data de aniversário da filha Rosita. Por lá trabalharam pessoas hoje expressivas em várias áreas, tais como, Salomão Ribas Jr. (Tribunal de Contas), Osmar Ayres Teixeira, Pedro Lopes, Ney Botto Guimarães, Clésio Búrigo, Marco Antonio, JB Teles, Lourival Budal, Deny Reis, dentre outros.

Tenho para com ele uma grande dívida de gratidão, pois me lançou no rádio logo após sua emissora entrar no ar. Graças a ele ainda estou por aqui há quase cinqüenta anos na profissão, hoje dirigindo o Sindicato Regional dos Profissionais em Rádio e TV.

Jota Gonçalves, foi o primeiro radialista a se aposentar como locutor de rádio em Santa Catarina e disso tinha muito orgulho.

Quero registrar aqui na história do Rádio de Santa Catarina o nome de um grande homem que com honestidade, amizade e profissionalismo sempre soube honrar e dignificar a profissão de radialista.

José Eli Francisco é presidente do Sindicato dos Radialistas Norte/Nordeste de Santa Catarina e editor do blog http://radialistasc.zip.net/

5 respostas
  1. Danilo Gobbi says:

    Estimado Ely Francisco Gostei muito de saber que você tem tratado em manter viva a memória do rádio catarinense quer por extensão é o nosso rádio brasileiro.
    Tantos são os nomes que deram de sua competência e profissionalismo a sua inestimável contribuição a este tipo de trabalho o radialismo, que fica difícil lembrar todos os nomes.
    Na historia inesquecível do radialismo Joinvillense tantos foram e são os nomes, que para fazer justiça teríamos que escrever um grande livro mesmo assim poderíamos esquecer alguém.

    Entre tanto eu que optei pela função de técnico em radiodifusão fico triste, pois sempre que alguém se propõe a falar de rádio e radialista salvo raríssimas exceções esquecem-se de falar de todos.
    Não existe radicalismo sem técnicos assim como não é possível fazer radio sem os locutores, produtores, redatores etc; Nesse caso como foi citado poucos nomes da área artística um técnico pelo menos deveria ser homenageado com sua lembrança…

    Estou falando de Senhor Leopoldo Alípio quem teve o privilegio de instalar a primeira antena do rádio Joinvillense a antena da Rádio Difusora de Joinville.

    Prezado amigo Ely se tiveres a oportunidade no próximo dia do Radialista faça um lembrete deste importante radialista o saudoso Leopoldo Alípio.

    Aceite um forte abraço e um até breve.
    De quem sempre teve o orgulho de ter trabalhado no Rádio Catarinense…
    Seu amigo; Danilo.

    Deus esteja conosco.
    e-mail = [email protected]

    (11) 2216-9946
    (11) 9808-1917

  2. lucas maguila says:

    eli francisco, aqui é o neto do seu érico; sinto muitas saudades do meu vô quando estou com vontade de ver ele entro nesse site e vejo todas as foto dele aqui eu choro me deixa muitas lembranças… pra min meu vô não morreu ele me ve espirituamente

    um abraço de neto do seu érico

  3. José Eli francisco says:

    Lucas Maguila , meu querido . Também sinto a falta do meu grande amigo de décadas Érico Cruz de Oliveira – teu avô . Ele está num bom lugar , pois era um homem muito bom e lá só vão pessoas boas como ele .
    Acho que você tem o blog do sindicato . Lá também tem outras fotos http://www.radialistasc.zip.net/
    Um beijo em todos de casa . Abraços na Rosa e também na sua mãe . Eli Francisco.

  4. LETICIA DE OLIVEIRA says:

    TAMBEM VEJO AS FOTOS E TENHO LEMBRANÇAS BOAS MAIS QUANDO ME TOCO E LEMBRO QUE ME VÔ MEU AMIGO PAI E COFIDENTE MORREU SINTO MUITO FALTA DELE MAIS MINHA VÓ DIZ QUE ELE ESTA PROTEGENDO E JUNTO DE NOS

    COM AMOR DE LETICIA DE OLIVEIRA DOS SANTOS

    UM ABRAÇO PRA VOCÊ CHICO

    ASS:LELE

  5. José Eli francisco says:

    Cara Letícia , tenho aqui na sede do Sindicato dos Radialistas em Joinville , material que você vai gostar de lêr e vêr sobre seu querido pai Érico Cruz de Oliveira . Mande seu e-mail para mim .Eli Francisco. Beijos .

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *