Michelle Bachelet quer mais mulheres concorrendo a cargos eletivos

Publicado em: 16/08/2012

A ONU Mulheres, entidade das Nações Unidas para promover mais autonomia feminina, está advogando uma maior presença de mulheres na política. Nesta entrevista exclusiva à Rádio ONU, a diretora-executiva da ONU Mulheres, Michelle Bachelet, disse que apesar de uma hesitação feminina na política profissional, muitas mulheres querem apoio para concorrer em eleições. “Nós temos duas situações. Uma é que as mulheres hesitam ir à politica. Mas outras querem ir à política, e tem muitas dificuldades para chegar. Nós queremos na ONU Mulher, trabalhar com as mulheres e com os partidos políticos, para assegurar que as mulheres tenham mais possibilidades. Nós necessitamos mulheres na política, necessitamos a perspectiva, as ideias, a experiência, mas também a diferente forma de fazer a política que eu penso que é muito importante na política”. Michelle Bachelet foi presidente do Chile de 2006 a 2010. Ela assumiu a ONU Mulheres em setembro de 2010. Segundo ela, a organização vai continuar investindo em projetos que promovam a participação feminina em eleições e o aumento de mulheres em Parlamentos. O Brasil, por exemplo, só tem 8% do Congresso formado por mulheres, apesar de o país ter eleito sua primeira presidente em 2010. MÍDIA | Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *