Morre Arthur O. Sulzberger, presidente do New York Times

Publicado em: 30/09/2012

Nos 34 anos em que esteve à frente da publicação, ele liderou importantes mudanças no jornal, cuja tinta está no sangue de sua família há quatro gerações

Morreu neste sábado, aos 86 anos, o presidente do jornal The New York Times, Arthur O. Sulzberger. Nos 34 anos em que esteve à frente da publicação, Sulzberger comandou importantes mudanças no jornal, cuja tinta está no sangue de sua família há quatro gerações. Jornal, Sulzberger morreu em casa, em Southampton, Nova York, em função de uma longa enfermidade, informou o jornal. Tendo passado pelos cargos de editor, presidente e executivo-chefe do Times, Sulzberger assumiu o comando do jornal em 1963. Na ocasião, a publicação enfrentava uma grave crise financeira. Um dos mais importantes episódios na passagem de Sulzberger pelo comando do jornal foi o caso dos “Pentagon Papers”. Em junho de 1971, o Times passou a publicar uma série de reportagens com documentos secretos sobre a Guerra do Vietnã, que revelavam uma série de fraudes em Washington para encobrir os tropeços do governo americano em meio a uma guerra tão impopular. Na ocasião, o então presidente Richard Nixon chegou a pedir que as publicações fossem interrompidos, mas o jornal se recusou. O caso acabou decidido pela Supremo Corte americana, que permitiu que o Times seguisse com as reportagens. Em 1990, quando entregou as rédeas do jornal a seu filho, a empresa havia se transformado. O Times era, então, uma publicação de âmbito nacional, distribuída de Norte a Sul dos Estados Unidos – e muito mais do que apenas um veículo impresso. A empresa expandiu-se, abrangendo novos jornais, revistas, canais de televisão e estações de rádio, além de alguns empreendimentos on-line. (Burk Uzzle/The New York Times/AFP)

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *