Muibo Cesar Cury: uma vida dedicada ao rádio

Publicado em: 27/12/2010

Muibo e a Rádio Bandeirantes viveram uma parceria que não só marcou suas vidas como também virou referência inesquecível para os profissionais do rádio brasileiro. Muibo foi compositor famoso, trabalhou em televisão com sucesso, mas foi ao rádio que ele mais se dedicou até o fim da vida, e com uma particularidade: mais de 50 anos só na Bandeirantes AM de São Paulo. Muibo Cury morreu no dia 26 de dezembro de 2009. Quem lembrou isso para nós foi o leitor Alceu Sebastião Costa que é poeta e até escreveu um acróstico que vamos publicar nessa matéria. Também trazemos para você trechos de uma entrevista – a última entrevista que Muibo concedeu ao programa Sofá Bandeirantes transmitido em 2009. Para os pesquisadores deixamos mais estas dicas: Muhib Cury, conhecido como Muibo Cury e Muibo Cesar Cury, nasceu em Duartina, SP, no dia 15 de janeiro de 1929. (Fonte: Rádio Base).

Homenagem a Muibo Cesar Cury

Alceu Sebastião Costa

Mito consagrado em vida pela
Unanimidade dos seus pares,
Ícone da radiodifusão brasileira,
Burilador das preciosidades do Lácio,
Obstinado pela arte mensageira.

Carisma
Educação
Serenidade
A mor
Respeito

Cinco vocábulos a serem bem guardados,
Um legado isento de reparos,
Reverências do poeta a este ser admirável,
Impávido soldado de exemplo tão notável.

3 respostas
  1. Alceu Sebastião Costa says:

    “Já que a morte é inexorável, obrigado Muíbo César Curi por nos legar tanta Saudade.”

    Sob as luzes do Santo Natal, reverencio a memória do saudoso radialista, dos melhores,
    Muíbo César Curi, que em 26 de dezembro de 2009, há exatos quatro anos, foi chamado ao Oriente Eterno.
    Muíbo era um ser humano dos mais amáveis e mais amados que conheci pelas ondas sonoras da Rádio Bandeirantes.
    Guardo com muito orgulho e carinho cópia do e-mail, a seguir, de 15 de junho de 2008, que expressa a nossa efetiva interação:

    From: alceu sebastião Costa
    Sent: Sunday, June 15, 2008 7:51 AM
    To: [email protected] ; [email protected]
    Subject: MENSAGEM – DIA DOS NAMORADOS

    Prezado Sr. Muíbo Curi,

    Bom dia!

    Para um poeta insone como eu não houve sacrifício algum em estar a postos,

    às 6h de um domingo, para reiterar a praxe de ouvir a nossa querida Rádio

    Bandeirantes: de segunda a sábado, amaciando o Pulo do Gato do Amigo

    José Paulo de Andrade, e, no domingo, embalado pelas deliciosas iguarias

    musicais do Arquivo Musical, tão bem servidas por este ícone do Rádio

    Brasileiro – MUIBO CURI.

    Caro Mestre, quero que saiba o quanto me gratificaram as suas palavras e

    e a sua declamação da nossa declaração de amor à minha querida Elisabeth,

    a quem ora tomo a liberdade de reverenciar.

    Gratidão sempre a você, à sua equipe e a toda a Família Bandeirantes, bem

    como àqueles que se deram ao sacrifício de prestigiar-me, madrugando neste

    domingo.

    Parabéns ao companheiro Leandro, cuja mensagem primaveril achei MARAVILHOSA.

    Fraternamente,

    Alceu Sebastão Costa.

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] * Comentário enviado ao Caros Ouvintes em 15/01/2014 sobre a matéria Muibo Cesar Curi, publicada em 27/12/2010 […]

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *