Novos sensores

Publicado em: 18/12/2012

Rádio CBN Brasil | MUNDO DIGITAL, com Ethevaldo Siqueira

Nonato – Ethevaldo, você prometeu falar ainda sobre sensores na vida humana.

Ethevaldo – Vamos lá, Nonato. Os sensores são dispositivos extraordinários. Os mais modernos são microcircuitos, chips microeletromecânicos, conhecidos pela sigla MEMS (Microelectromechanical Systems), que combinam funções eletrônicas com funções mecânicas em escala de microscópica, quase nanométrica.

Nonato – Quais são as aplicações desses novos sensores?

Ethevaldo – Esses MEMS, ou microprocessadores eletromecânicos avançados, estão revolucionando os equipamentos de tecnologia pessoal, como smartphones, laptops, tablets e desktops. Além dos recursos avançados de computação, eles economizam energia. Mas a aplicação mais revolucionária dos sensores será na nova geração da internet, chamada internet das coisas.

Nonato – Explique essa nova internet.

Ethevaldo – Imagine a minha coleção de CDs e DVDs ou a minha biblioteca, cada uma com mais de 5 mil exemplares. Cada livro, CD ou DVD precisa conter um sensor minúsculo, no qual está gravado seu endereço IP. Desse modo, eu localizo em segundos qualquer um deles. O mesmo pode ser feito com uma discoteca, um almoxarifado de milhões de itens. Antes de 2020, cada coisa ou objeto terá sua identidade e seu endereço na internet. Assim, os sensores nos permitirão localizar cada objeto, saber seu conteúdo, sem necessidade de ordená-lo, classificá-lo ou de manipulá-lo. Está nascendo uma nova web, Nonato. Aliás, já existem muitas aplicações disponíveis dessa internet das coisas. O exemplo mais banal é o da geladeira que nos avisa de tudo que está no fim ou vai faltar. Em breve, você poderá localizar não apenas os objetos de sua casa, mas aqueles disponíveis no mercado mundial, sem livros, CDs, DVDs, medicamentos, equipamentos, matéria-prima, peças e componentes. Que tal botarmos ordem em nosso mundo?

Nonato – Até amanhã.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *