Navi Pillay

ONU apela à Venezuela sobre Convenção de Direitos Humanos

Publicado em: 11/09/2012

Alta comissária pediu ao país que reconsidere decisão de deixar o tratado dizendo que medida seria “golpe sério” para a nação e toda a região.

Navi Pillay  MÍDIA | Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York

As Nações Unidas apelaram ao Governo da Venezuela para que revejam a decisão de sair da Convenção Americana sobre Direitos Humanos. Em comunicado, a alta comissária da ONU Navi Pillay disse que a medida representaria um golpe sério não só para a situação dos direitos humanos na Venezuela, mas também em toda a região. Ela afirmou que a Comissão Interamericana e a Corte de Direitos Humanos têm dado exemplos pioneiros, para o resto do mundo, da vitalidade dos órgãos que tratam do tema no continente.

Segundo agências de notícias, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, anunciou a intenção de retirada após divergências com a Organização dos Estados Americanos sobre o destino de um venezuelano acusado de envolvimento em atos terroristas em 2003.

Navi Pillay disse que a decisão da Venezuela de abandonar a Convenção contraria as resoluções recentemente adotadas pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU. Um dos objetivos das medidas é aumentar a cooperação e o diálogo entre mecanismos regionais e internacionais.

Recursos e Proteção

A alta comissária contou que teme que avanços conquistados pelos latino-americanos na proteção de direitos humanos sejam agora anulados se a Venezuela mantiver sua decisão de deixar a Corte. Para Navi Pillay, a situação pode afetar outros países e povos, deixando as pessoas ainda mais propensas a abusos e com menos recursos e proteção.

Ela encerrou a nota dizendo que a Corte e a Comissão Interamericanas são fundamentais na defesa dos direitos dos indígenas, dos jornalistas e ativistas além de proteger os mais fracos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *