Papo Livre 45

Publicado em: 13/04/2009

O Sérgio Fraga e o Mário Vendramel, grandes radialistas do passado com os quais tive o prazer de trabalhar na Rádio Clube, quando atuavam juntos na apresentação de um programa eram um verdadeiro terror para os diretores.

É que se um deles cometesse uma falha, o outro não se agüentava e desandava a rir, e o que é pior, os dois caiam na gargalhada e muitas vezes tinham que interromper o programa com verdadeiros ataques de riso. Vou contar uma passagem dessa inesquecível dupla.

Vendramel e Fraga apresentavam o “Jornal da Noite” quando numa das frases que o Mário lia apareceu a palavra DESMORALIZANDO. Ao ler, ele enrolou a língua e, dando uma de Cebolinha, saiu com DESMOLALIZANDO.

O Fraga começou a rir discretamente, segurando-se. Aí, o Mário quis corrigir e disse:

– Perdão, ouvintes. Corrigindo: a palavra é DES-MO-LA-LI-ZAN-DO.

Repetiu o erro e começou a rir. Tentando arrumar a situação, o Sérgio Fraga com aquela voz possante interferiu:

– Perdão novamente, ouvintes. Vamos corrigir: a palavra é DESMOLALIZANDO.

Errou também e aí o Operador entrou com uma passagem musical porque os dois choravam de tanto gargalhar desbragadamente.

Os Diretores da Rádio se zangavam, mas os ouvintes adoravam essas falhas e também riam pra valer.

Esse nosso papo livre é reproduzido com texto e som no site www.carosouvintes.org.br do meu amigo Antunes Severo, e toda a minha coleção de causos está no site www.ulustosa.com.

TÉCNICA – Separação musical

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *