Para Encerrar a Série de Rádios na Internet

Publicado em: 24/08/2009

Nesta última série da pesquisa sobre rádios online, vou me prender um pouco nas chamadas rádios pessoais, ou aquelas que nós formamos em páginas da web que disponibilizam conteúdos por gênero de preferência.

Talvez a mais conhecida, por ter sido uma das primeiras neste gênero tenha sido a PANDORA. Você escolhia um interprete e o site organizava sua rádio baseado em artistas do mesmo gênero. Por problemas com a legislação americana, a rádio foi desativada fora dos Estados Unidos e muitos internautas brasileiros ficaram órfãos da PANDORA.

Outra que fez muito sucesso nesse gênero de rádio online foi a LAST FM. Ela também enfrentou problemas e hoje é preciso pagar uma assinatura depois de um mês de degustação.

Mas existem diversas outras páginas semelhantes que o internauta pode recorrer para ouvir suas músicas favoritas, sempre destacando que são apenas seleções musicais que chamamos de “rádios pessoais”.

Grooveshark – O internauta pode pesquisar por nome de música ou do artista e também acessar álbuns completos para ouvi-los, tudo gratuitamente.

Musicovery – É um site bastante interativo. O usuário escolhe o gênero e a rádio já começa a tocar.

Deezer – Você pode inserir suas músicas favoritas ou ouvir as músicas de outros usuários, criando suas próprias listas de reprodução.

Audiolizer – Oferece um grande acervo de músicas para você ouvir gratuitamente

Sibgza – É uma das páginas com melhores possibilidades de uma boa seleção musical. Fácil de acessar e selecionar as músicas.

Goear– Características parecidas com o YOUTUBE para arquivos de áudio. Você poderá acessar a qualquer momento as músicas dos seus artistas preferidos com qualidade de CD.

Indie 103.1 FM – Era uma emissora regular de Los Angeles que abandonou o dial para se dedicar exclusivamente à web. Excelente para quem gosta de rock.

Blip FM – É uma espécie de versão musical do Twitter. Você pode montar sua programação e compartilhá-la com seus amigos.

Accuradio – Rádio dedicada ao rock. Tem dez subestações que vão das novidades ao rock alternativo, passando pelos clássicos.

Rádio IO – Tem 60 estações com os principais gêneros musicais. A rádio exibe sempre as informações dos artistas, os nomes das músicas e também permite que os internautas comprem as canções diretamente do site da Amazon.com.

AOL Rádio – Apresenta 27 tipos diferentes de estações. É possível comandar a programação das rádios e pausar uma canção ou pular uma música que você não gosta.

Digitally Imported – Trata-se de uma rádio voltada exclusivamente para a música eletrônica. A versão básica inclui 25 estações com qualidade próxima a do CD. Uma versão Premium oferece mais 25 estações em alta qualidade.

Cyloop – Para quem sente saudade da Last FM ou mesmo da Pandora.  Personalizada para cada usuário, com uma das mais completas coleções de áudio e vídeo online. Você pode acessar pelo portal do MSN, na seção de música.

Ainda há as opções de rádios online do UOL, TERRA, IG e outros portais nacionais, com todos os gêneros musicais que já citamos na postagem anterior.

O que quero reafirmar é que todas estas alternativas para se ouvir e escolher música online, não é o que considero uma rádio de verdade. Rádio, na minha concepção vai muito além de uma seleção musical. A rádio, como a imagino, deve ter uma linha de programação variada, bem produzida, com bastante conteúdo e criatividade, pesquisa, boa música, boas vozes e apresentadores inteligentes. Deve interagir com o ouvinte através de todos os recursos da moderna tecnologia para aprimorar e refinar seu conteúdo e surpreender positivamente todos os dias, pela dedicação constante de seus integrantes e não dispensar um receptor onde se possa sintonizá-la.

Espero que as três postagens que fiz em “Caros Ouvintes” tenham despertado no leitor o interesse pela pesquisa sobre o rádio online e tenha aberto as portas da curiosidade para este meio tão comentado e tão desconhecido.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *