Pesquisando a história do rádio

Publicado em: 26/04/2009

O que gratifica participar desta equipe do blog Caros Ouvintes é a repercussão que as colunas encontram pelo Brasil afora.
Não que queiramos viver do saudosismo. Longe disso. Hoje em dia, com mais de 50 anos de comunicação nas costas, ainda penso nos programas que um dia irei lançar…

Mas a nova geração tem se interessado pelas pesquisas da história do rádio, e acredito que CAROS OUVINTES e os que escrevem aqui, têm colaborado para isto.

De outro modo eu não teria recebido um e-mail de alguém lá de Americana, Estado de São Paulo.

Neste e-mail, Marco Antônio Rodrigues me pedia informações sobre um programa de rádio dos anos 1960, chamado CAIXA DE PEDIDOS LEVER, que era apresentado por várias emissoras brasileiras, incluindo aí a PRC-4 Rádio Clube de Blumenau, onde eu atuava.

Diversas vezes, nas minhas crônicas do rádio sobre aquele tempo, citei este programa,  que consistia em dedicatórias musicais, uma coisa muito em voga na época.

A PRC-4 tinha o seu “Peça a Sua Música”, onde cada dedicatoria era cobrada.

Já o “Caixa de Pedidos Lever” não cobrava pela mensagem, mas o ouvinte devia comprar um sabonete Lever (hoje LUX) e escrever no verso da embalagem a sua dedicatória. Por exemplo: “Maria da Silva, residente no bairro do Garcia,  oferece esta música com muito amor e carinho a sua mãezinha Alzira que está de aniversário hoje.”.

A produção era da Lintas, agência de propaganda que atendia a Lever, e nós recebiamos o roteiro com a apresentação, o qual tinhamos que seguir à risca. Diziam até que de vez em quando hospedava-se um “fiscal” da Lintas em um hotel, ligava o rádio e conferia se tudo estava indo certinho para o ar.

Lever era um sabonete de muita fama, considerado o “Sabonete das Estrelas” de Hollywood.

Pois bem, como eu apresentava o programa, o Sr. Marco Antônio Rodrigues, de Americana, me consultou se eu recordava qual era o prefixo musical do “Caixa de Pedidos Lever”. Não, eu não me lembrava. Perguntei ao Edemir de Souza, que atuava na PRC-4 naqueles tempos. Ele nem se lembrava mais do programa! Afinal, isto foi no início dos anos 1960, há quase meio século.

Agora, recebo um simpático e-mail do mesmo Marco Antônio, dizendo que descobriu a música:

“The Happy Whistler” (O alegre assobiador), com Don Robertson.

Deu um clique, fui ao Google, acessei a música e voltei ao passado, num passeio histórico que me colocou a melodia nos lábios. Saí por aí assobiando…

Quero parabenizar os pesquisadores da história do rádio de um modo geral e, muito em especial, ao Marco Antônio Rodrigues, de Americana, SP.

É isso, gente, a história segue em frente!

2 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *