TV digital, uma nova era? 02

Publicado em: 09/03/2008

As discussões em torno do que representa o uso de tecnologia digital pelo rádio e televisão no Brasil, até agora estiveram mais concentradas na área governamental do que entre os principais personagens: radiodifusores, anunciantes e usuários (ouvintes e telespectadores). Por que esse desinteresse de quem, a final, vai pagar a conta?
Da Redação

Será que ainda predomina aquela atitude passiva de quem está confiante no paternalismo do governo? Será que ainda há alguém que não perceba quem de fato paga o pato?
Senhores e sonharas ouvintes, caros telespectadores, distintos senhores anunciantes – desculpem a falta de modéstia – mas, nós sabemos: somos nós. E temos mais uma certeza: somos nós como pessoa física, pois o anunciante que paga aqueles milhões por um espaço de trinta segundos coloca esse custo, como outro qualquer, no preço final do produto que nós e eles também consumimos como cidadãos honrados e trabalhadores deste país.
Então diga lá: o que está acontecendo? Por favor, nos conte porque nós aqui não sabemos. E o que é pior, não compreendemos. Portanto, está lançada a campanha “Quem vai pagar a conta da digitalização do rádio e da televisão no Brasil?”
E-mails para [email protected]
Desde já somos gratos e nos comprometemos a divulgar todas as mensagens que nos forem enviadas sobre o assunto.
Agora passemos à entrevista do engenheiro Luiz Rosa dos Reis iniciada semana passada e que continuará por mais algumas semanas.
O televisor normal será aposentado?
Num primeiro momento não. O sinal digital transmitido pelas redes de televisão poderá ser recebido nas residências e através de uma pequena caixa externa ao televisor, que denominamos set top box, se fará a conversão do sinal digital recebido em sinal analógico que poderá ser então inserido na televisão digital atual.
Todo televisor pode receber transmissão digital?
Se ele for receptor digital receberá automaticamente. Se for analógico, sendo incorporado o conversor (set top box), poderá receber a transmissão digital. Deve ficar claro que as televisões atuais não terão a capacidade de receber todos os benefícios trazidos com a nova tecnologia, principalmente no que diz respeito à transmissão de som e de imagem de alta definição definidos pelo sistema brasileiro de televisão digital, que devemos dizer é superior ao utilizado hoje no Japão, que nos forneceu o padrão. Isso servirá para recriar o nosso parque de fabricação de televisores no Brasil, que hoje está voltado apenas à montagem de unidades recebidas de outros países.
A compressão de vídeo definida no sistema brasileiro garantirá uma imagem de melhor qualidade e o processamento de áudio será também de alta definição, garantindo a recepção de sistemas de áudio de alta fidelidade.
Com o início da transmissão de televisão digital em São Paulo, no dia 02 de dezembro de 2007, esperamos também ver receptores de televisão fabricados no Brasil, preparados para receber o nosso sistema de televisão digital.
Quais são as vantagens e desvantagens que a TV digital oferece?
Se comparado com a transmissão de televisão analógica atual, não me ocorre por ora desvantagens, se observado o lado do público em geral. As vantagens são as seguintes:
– A imagem da TV digital não tem meio termo: ou “pega” ou “não pega”. Ou chega perfeita, sem fantasmas nem chuviscos, ou mostra uma tela preta;
– Podemos gravar qualquer programa, mesmo enquanto vemos outro;
– O som é estéreo e surround em seis canais, ou 5.1;
– Multiprogramação (ou multicasting) é a possibilidade de recepção de até quatro programas com diferentes níveis de definição;
– Portabilidade é a recepção em diversos tipos de equipamentos, como PDAs, laptops, celulares;
– Mobilidade refere-se à recepção de programas em celulares ou em veículos em movimento, como trens, ônibus ou carros;
– Flexibilidade é a possibilidade de ter o máximo de aplicações e serviços, tanto para as emissoras de TV como para as operadoras de celulares e empresas de multimídia.
Na próxima semana: Existe algum tipo de interatividade do consumidor final com a programação?
 


{moscomment}

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *