UM CONVITE À REFLEXÃO

Publicado em: 05/03/2007

Caros ouvintes. Mais um texto para ser veiculado no rádio. Um convite à reflexão. Dias desses acordei no meio da noite com uma dor nas costas. O que poderia ser? Logo pensei. Tudo, menos simplesmente um mau jeito. O sono se foi, mas uma imagem veio. A do Cristo na cruz, no altar da igreja que freqüento.
Por Fernando Góes

A forma que ele está me chamou a atenção. Jesus está de braços abertos, não crucificado, nem com a cabeça de lado com expressão de dor.
O Pai está de braços abertos, olhando para o infinito, como se pedindo um abraço, convidando alguém a tirá-lo dali para um bate um papo no colo. O convite no meio da noite era para mim. A oração, para todos.
“Pai, obrigado pelo convite. Entendi assim quando o vi naquela cruz, de braços abertos, como se quisesse sair dali e ser carregado por mim para uma volta no quarteirão, para que eu percebesse o quanto sou forte com você em meus braços, para que eu visse de pertinho o seu olhar e encará-lo de vez, para dividirmos o mesmo ar seguindo a mesma direção, para que pudesse tocar em suas lágrimas e depois em seu peito e percebesse o seu coração jorrando alegria, para que o beijasse e, no pé de ouvido, pedir perdão”.


{moscomment}

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *