Um furacão nas ondas do rádio

Publicado em: 13/03/2013

O que está acontecendo no rádio esportivo de Curitiba? É o que me perguntam todos os dias. Como estou “saboreando a vida” neste começo de ano em São Paulo, Curitiba e Florianópolis fico bem à vontade para escrever sobre as novidades do rádio esportivo da capital paranaense. O surgimento da 95.7 FM no esporte abriu caminho para profissionais que estavam sem prefixo. Sob o comando do Capitão Hidalgo foi dado continuidade ao trabalho em iniciado em 2012 na emissora de Paulo Malucelli.

Começaram as transmissões do Campeonato Paranaense dos jogos do Atlético, Coritiba e Paraná. De repente tudo se modificou. Apareceu o Clube Atlético Paranaense para formar uma parceria para dar cobertura exclusiva às suas atividades. A ideia a princípio deixou todos atônitos e as emissoras coirmãs preocupadas. E continua a preocupação, pois a 95.7 FM se tornou em Rádio CAP com um programa diário às 18 horas que só fala das notícias do clube e transmitirá os jogos do clube onde ele for jogar.

Transmissões ao vivo com direito a entrevistas com jogadores, treinador e demais integrantes do futebol profissional do clube. Coisa que não é permitida as demais emissoras e imprensa que está impedida de ver os treinos e entrevistar jogadores e treinadores. Com som de bom alcance a emissora é a única que pode colocar seus repórteres nos treinamentos, entrevistar jogadores e treinadores. A primeira vista a atitude do clube foi considerada antiética. Como o Atlético também não acertou a transmissão de seus jogos do Campeonato Estadual pela televisão a situação ainda mais intrigante para muitos.

O Atlético já tinha uma sua rádio na internet a exemplo de Coritiba e Paraná. Partiu antes dos coirmãos para um projeto mais arrojado cujo desdobramento só o tempo dirá. É bom que se diga que os profissionais que já atuavam na emissora foram mantidos e outros ainda serão acrescentados. A Rádio CAP só transmite os jogos do clube enviando para isso um time completo de profissionais (narrador, comentarista e repórter) onde o clube atuar. E com a vantagem de poder entrevistar jogadores e treinadores do clube. “Furacão nas ondas do rádio” é a grande novidade deste início de 2013 no rádio esportivo do Paraná. É isso aí.

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *