“Como eu posso lhe ajudar?” “Só estou dando uma olhadinha”

Publicado em: 13/08/2015

Essa foi uma das frases e exemplos, no contato entre atendente e cliente, que Carlos Alberto Serpa, proprietário do Instituto Liderare, com experiência internacional em desenvolvimento executivo, gestão de pessoas e negócios, nesses 30 anos é Coach e instrutor convidado de empresas e instituições superiores de ensino.

carlos-Alberto-Serpa

Carlos tem graduação em Comunicação, em Publicidade e Propaganda, pós- graduação em Marketing na Harvard University. Especialização em Psicologia Aplicada a Negócios. Conselheiro da ADVB. Colunista da Revista O Empresário. É palestrante reconhecido pela FCDL/SC.

A frase ali no início (entre atendente e cliente) é tão comum que pode parecer aceitável, mas não é segundo Carlos Alberto, e ele aponta os motivos e responsáveis por isso.

Em tempos de crise ele lembra a famosa frase: “Enquanto alguns choram, outros vendem lenços”.

O jovem que começou a trabalhar aos 16 anos na área de Marketing desbravou pelos caminhos da administração, propaganda, comunicação e chegou ao Coach. Afinal de contas por que o Coach? O que realmente significa? Em que sentido podemos compará-lo com um treinador? O Coach serve apenas para grandes e potentes empresas ou profissionais autônomos podem tirar proveito?

A trajetória de Carlos Alberto Serpa que passou inclusive pelo extinto jornal O Estado nos traz uma bagagem de experiência e conhecimentos passados nesse bate-papo no programa Na cadeira do barbeiro – na rádio Luar FM, de maneira didática. A psicologia de alguém que acumulou conhecimentos e faz incrível uso da comunicação com a arte de um treinador. Extrair o que há de melhor nas pessoas, sejam elas empresários ou funcionários. Se eu te perguntar agora: “Posso te ajudar?” Que tal responder: “Só vou me sentar e ouvir esse bate-papo”.

Rádio Luar FM 98,3 ou: www.radioluar.com.br  Rádio Comunitária de São José
Programa Na cadeira do barbeiro – Todas as segundas feiras das 18h às 19h
Texto (acima), produção e apresentação: Deivison Pereira
Coordenação da rádio: Cristiano Souza e Geane Machado
Fotografia e apoio: Marcos Vinícius Pereira

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *