Copa do mundo no Brasil… há controvérsia

Publicado em: 07/05/2011

A realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil virou motivo de controvérsia nas últimas semanas. Na verdade o que está acontecendo é um “empurra, empurra” para o início de importantes obras. E a cada dia as novidades vão aparecendo. Revendo familiares aqui em Curitiba, acompanhei a reunião realizada ontem pela Comissão da Câmara Municipal para avaliar as novas exigências da FIFA com relação a Arena da Baixada. Dos 135 milhões de reais necessários para as obras foram acrescentados mais 85 milhões elevando para 220 milhões os custos.

O Atlético Paranaense já investiu 17 milhões no projeto e não investirá mais do que foi acordado com os governos do estado e município de 135 milhões de reais (45 milhões por entidade).
O presidente do clube Marcos Malucelli disse que o Atlético não bancará a diferença. Ao final da reunião o Coordenador da Copa do Mundo em Curitiba Mário Celso Cunha afirmou: “a solução é buscar parceiros na iniciativa privada, pois o poder público não vai arcar com mais nenhum centavo”.

Já o presidente do Corinthians declarou que a Copa da Confederações em 2013 não terá jogos em São Paulo. E foi mais além: “se quiserem realizar a abertura do Mundial em outro lugar, não haverá problemas”. Tudo isso somado aos das obras dos demais estádios e da infra-estrutura exigida pela FIFA para ampliação de aeroportos, rodovias, hotelaria, está deixando todos com a “pulga atrás da orelha”.

A grande realidade é esta: “falta dinheiro para as obras, e se não houver participação da iniciativa privada o Brasil pode dar vexame ou até não realizar o Mundial”. É isso aí.

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *